domingo, 23 de fevereiro de 2014

8ª Meia Maratona Internacional de São Paulo: "mais uma meia maratona, minha distância preferida".


Observar. Foi o que mais fiz em todas as etapas envolvidas de quando se participa de uma corrida de rua. Desde a entrega dos kits, da preparação pessoal na véspera da prova, e aquela ansiedade e frio na barriga sempre presentes.

Fui retirar o kit na sexta-feira, e ao chegar próximo do local, comecei a observar aos corredores que estavam por perto. Cada um possui suas individualidades, mas que ao mesmo tempo igualam entre si. Alguns amigos se encontram e perguntam: está treinando bem? Correu aonde na semana passada? Vai correr em tal prova? Na maior parte das vezes falamos de corrida. Aliás, amamos correr, e por isso gostamos muito de conversar sobre ela.

Cada camiseta de corrida que vestimos possui uma história, uma vivência. E cada prova é diferente. Mesmo se o percurso for igual, a prova será diferente. Irá se posicionar em outro lugar, correr pelo outro lado da rua, ter um tempo mais baixo ou não, correrá ao lado de outras pessoas. Cada uma nos deixará uma lição. É só preciso prestar atenção nelas.

Na véspera da prova, temos os nossos "rituais". As refeições feitas e todas as atividades do dia tem uma ponta do pensamento na corrida. Pelo menos comigo é assim (risos).

A colocação do número de peito, do chip, sempre temos uma linha a ser seguida. Pelo menos comigo é assim 2 (risos 2). Eu coloco o numeral e chip sempre um dia antes, vejo se está bem posicionado e deixo a minha camiseta, minha roupa, meu tênis e tudo que irei utilizar naquele mesmo canto.

Acordo no dia da prova, tomo o café da manhã, verifico se não esqueci de nada e assim estou preparada para ir.

Quando chego no local, sempre procuro um lugar mais "tranquilo" para ficar e esperar o horário de começar o meu aquecimento e a largada. E neste momento é muito interessante observar as pessoas, como elas chegam, como está a fisionomia de cada uma, os rituais delas. Como eu disse no início do texto: cada um possui suas individualidades, mas que ao mesmo tempo se igualam e formam o "mundo da corrida".

Esta meia foi a segunda prova de 2014 que participei. Foi utilizada como prova controle dos treinamentos, e finalizada com um bom tempo, dentro das circunstâncias do percurso com diversas subidas e o calor principalmente na primeira metade da prova. Por incrível que pareça! E que acarretou um desgaste no final da prova.

Uma multidão de aproximadamente 6.500 pessoas participaram da meia maratona entre homens e mulheres, e 2.000 na prova de 5 quilômetros. Totalizando 8.500 participantes.

A largada geral foi dada as 7h15, e mesmo sendo cedo, o calor já envolvia a todos corredores.

Passei nos primeiros 10Km com 41'35", nos 15Km com 1h03'16", e finalizei com 1h31'18". Ritmo médio de 4:20 por quilômetro.



Foi um boa prova controle, considerando o percurso com muitas subidas e o calor que incomodou um pouco. O legal foi ter batido meu recorde pessoal neste percurso em 3 minutos, de ter finalizado entre as 20 primeiras mulheres, e também ouvir do treinador Marcelo Camargo que o meu resultado foi ótimo e ser parabenizada por minha disciplina nos treinos.

Agora é recuperar desta prova e seguir em frente e firme, pois os objetivos serão alcançados na hora certa do planejamento.

Parabéns a todos participantes!

Resultados oficiais disponíveis no site do evento: http://www.yescom.com.br/meiasp/2014/portugues/index.asp








terça-feira, 18 de fevereiro de 2014

Aprendendo a treinar

Minha participação na Meia Maratona Internacional de São Paulo no ano de 2011

O controle do treinamento é essencial para que o corredor e seu treinador tenham dados precisos para predizer ritmos e resultados em treinos e em provas.

Desde o final do mês de janeiro estou tendo a oportunidade de ter este maior controle em mãos e poder visualizar o quanto está sendo importante na melhora de meu rendimento nos métodos de treino semanais. A cada treino aprendo mais o que é treinar.

Em cada sessão de treino, seja ela um intervalado, contínuo, longo, visualizo um ritmo mais uniforme, e também melhora da velocidade, e isso será verificado através da meia maratona que será realizada na cidade de São Paulo no próximo dia 23, a qual será utilizada como uma prova controle dos treinamentos.

O ritmo em que a devo correr já foi pré-definido. Esta previsão do ritmo está de acordo com os treinos realizados, são eles que definem.
Se tudo ocorrer bem no dia da prova, este objetivo será alcançado. Para que em um período mais a frente, eu possa alcançar a primeira meta de correr uma próxima meia maratona em meu recorde pessoal.

Bons treinos a todos e uma ótima prova aos participantes da 8ª Meia Maratona Internacional de São Paulo: http://www.yescom.com.br/meiasp/2014/portugues/index.asp

Vamos em frente, sempre!

sábado, 15 de fevereiro de 2014

Alguns dados da primeira prova do ano

9ª Corrida e caminhada Oral B - Prevenção do câncer bucal

Data: 02/fevereiro
Concluintes: 3669
Mulheres: 1171
Homens: 2498
Distâncias oferecidas: caminhada de 3Km e corrida de 7Km
Horário de largada: 7h30
Temperatura: 30ºC

Consegui ficar na 5ª colocação geral feminina, e completei o percurso de 7Km em 27:22, de acordo com os resultados oficiais divulgados no site na Corpore.

Minha velocidade média foi de 15,37Km/h. Ritmo médio de 3:55 cada quilômetro.

 
 
Após esta competição e de acordo com os treinos que agora estão sendo feitos sob a orientação do treinador Marcelo Camargo, tenho uma nítida percepção de um melhor rendimento nos intervalados, e recuperação dos mesmos. E esta melhora está refletindo nos contínuos e longos.
 
No próximo domingo, dia 23, utilizarei a  8ª Meia Maratona Internacional de São Paulo como uma prova controle, na qual a realizarei em um ritmo já definido de acordo com o planejamento, e se tudo ocorrer bem no dia.
 
 
 
Bons treinos a todos!
 
 
 

quarta-feira, 12 de fevereiro de 2014

Corrida e planejamento

Parece que foi ontem que iniciei minhas primeiras passadas na corrida de rua. Uma modalidade que transmite uma facilidade de acesso, que permite a prática em lugares diversos, mas que ao mesmo tempo é complexa e repleta de discussões.

Um esporte que assim como todos, independente do nível e objetivo do praticante, requer um mínimo de planejamento. Pois só assim a pessoa conseguirá visualizar os resultados e sua evolução no decorrer do tempo.

E este planejamento não é igual para todos. É individualizado e construído a partir das possibilidades de cada um.

Ele pode e deve ser alterado sempre de acordo com as respostas das cargas de treinamento impostas, que devem ser monitoradas para que a sua distribuição nos períodos seja adequada e compatível a cada pessoa.

Confesso que no início de tudo eu não tinha o privilégio deste controle, mas inconscientemente e talvez pela experiência e sensação de esforço de cada "treino", de alguma forma eu balanceava estas cargas.

Agora vejo o quanto isso é importante e que contribui para a minha evolução na corrida. A cada conquista valorizo ainda mais este controle dos treinos.

Semanalmente os estímulos são distribuídos, e fatores como volume, ritmo, duração, percepção de esforço e método de treino são utilizados para o controle de treinamento.

Em uma semana realizo 5 sessões, sendo duas de contínuo, duas de intervalado e um longo.

Em todas sessões faço o registro do volume total, duração, ritmo médio e dos intervalados, e minha percepção de esforço. No final da semana envio o retorno ao treinador, para que assim ele analise se é preciso um ajuste nas próximas. Cada treino nos ensina a treinar melhor no próximo, cada sessão possui seu papel de importância, e elas estão distribuídas em seu planejamento propositalmente.

Por isso siga seu planejamento e converse sempre com a pessoa que te instrui. Não fique com dúvidas. E o mais importante: fale sempre a sua real sensação perante aos treinos, pois é a partir dela que seu planejamento continuará a ser elaborado e terá uma continuidade correta e individualizada.

Bons treinos!

terça-feira, 4 de fevereiro de 2014

9ª Corrida Oral B Corpore

A corrida se tornou a minha aliada para continuar a seguir sempre em frente, de cabeça erguida aos problemas.

Cada treino que faço, as horas que me dedico por semana a este esporte traz sempre recompensas e grandes valores. Sempre repito que foi através da corrida que conheci grandes pessoas que me mostraram caminhos e lições. Entre estas pessoas também estiveram grandes profissionais da área da Educação Física e também fora dela.

Desde o ano de 2011, quando comecei a conseguir correr um pouco mais rápido e alcançar resultados entre as primeiras colocadas de alguns eventos, vi o quanto a competividade influencia neste esporte, assim como em todos. É muito difícil enxergarmos ela separada da corrida, pois até quando estamos sozinhos, somos competitivos.

Este ano inicio um novo ciclo nesta minha vida da corrida. Tive que deixar a equipe a qual estava fazendo parte devido a problemas e dificuldades que estou passando no momento. Ficou mais difícil eu ter que cumprir com as responsabilidades e papel que todos atletas da mesma equipe devem fazer.
Por parte dos responsáveis técnicos, eu continuaria com eles, mesmo com estes empecilhos. Mas optei por não continuar.

Quero deixar registrado que admiro muito o trabalho deles, que gostei muito de conhecer e conviver com a equipe. Que 2014 seja um ano repleto de conquista a todos, e iremos nos encontrar e muito neste mundo da corrida que fazemos parte.

E domingo, dia 2 de fevereiro, participei de minha primeira competição do ano. A prova serviu como uma avaliação do atual estado que me encontro. Ela juntamente com os treinos servirão de controle para os próximos objetivos. O planejamento e orientação dos treinos está sendo feito pelo treinador Marcelo Camargo.

A largada foi dada pontualmente as 7:30 da manhã, mesmo sendo cedo o sol e clima já estava bem quente, similar aos dias em que estamos passando ultimamente. Este ano, por uma solicitação do Hospital da Aeronáutica houve uma pequena alteração no percurso de 7Km, fazendo com que a corrida passasse apenas pelas avenidas Santos Dumont e Braz Leme.

Quilômetros iniciais

Na caminhada de 3Km houve um total de 558 participantes entre homens e mulheres, e na distância maior, 7Km, concluíram 2499 homens e 1172 mulheres.

Aproximando da chegada

Consegui a minha meta, fiquei na 5ª colocação geral feminina. A prova premiou os vencedores com dois troféus, além de muitos presentes dos patrocinadores.

Quase finalizando a prova
Parabéns a Corpore Brasil por mais um grande evento realizado! Obrigada Edgard Santos por todo auxílio para a inscrição. Parabéns a todos participantes!



Premiação feminina
Sempre é muito bom retornar as provas de rua, rever pessoas que nos transmitem muita energia.

Quero destacar aqui um momento muito especial nesta corrida. Faltando aproximadamente 500 metros para a chegada recebi um grito de torcida de uma pessoa muito especial: Rosangela Figueiredo, isso foi um dos melhores presentes que pude receber nesta prova, vê-la bem novamente e em breve de volta as corridas, que tenho certeza que é a coisa mais importante da vida dela!

Veja como foi e resultados em Corpore Brasil: http://www.corpore.org.br/cws_exibeconteudogeral_5162.asp

sábado, 1 de fevereiro de 2014

Treinos: novas experiências e aprendizagem

Na última semana do mês de janeiro até meados de março será realizado o período de base.

Na semana realizo um total de 5 sessões de treino de corrida. Dois contínuos, duas sessões de intervalado, e um longo. Também faço duas sessões de treino com pesos na academia. Se for uma semana com competição, o longo é substituído pela prova.

Neste período de base disputarei duas provas, a primeira do ano amanhã, dia 2 de fevereiro e a segunda dia 9/03.

http://www.corpore.org.br/default.asp
 
Em abril após duas semanas do período competitivo, disputarei uma meia maratona e em maio outra prova da mesma distância. Após, realizarei um período de transição, retornando para a base e disputar em provas mais curtas.


Estes são alguns de meus objetivos agora para os próximos meses. E o planejamento está sendo feito pelo meu atual treinador Marcelo Camargo.

Que o início desta temporada venha com muito sucesso e conquistas a todos!