quarta-feira, 27 de janeiro de 2016

Primeiro objetivo de 2016



No final de 2015 fiz uma pesquisa por algumas provas que sempre tive vontade de participar. Muitas ainda não estão ao meu alcance por motivos financeiros, mas sei que um dia terei condições.

Assim escolhi para o primeiro objetivo a corrida Wings for life, em Brasília. 

Uma prova diferente que se destaca pelo apoio a uma causa tão importante para milhões de pessoas, de encontrar a cura para as lesões na medula espinhal. 
E além disso, a linha de chegada é diferente de outras provas. Há os Catcher Cars, que são veículos equipados com sensores, que, literalmente, perseguem os corredores, que por sua vez fogem dele, ao invés de correr para uma linha de chegada. Assim quanto mais rápido você correr, maior quilometragem terá a sua prova. E isso é demais!


A Wings for Life é uma fundação de pesquisa internacional sem fins lucrativos. Sua missão é encontrar uma cura para a lesão na medula espinhal. Esta fundação financia pesquisas científicas e testes clínicos em todo o mundo que buscam a cura para a lesão na medula espinhal.
100% do valor de sua taxa de inscrição vai para projetos de pesquisa voltados para a cura da lesão na medula espinhal que mudarão vidas. E todo o custo administrativo do evento e fundação são cobertos pela Red Bull. (*fonte site oficial da prova).

O planejamento dos treinos para esta corrida iniciou em janeiro. Cada semana é composta por 4 a 5 sessões de treinos, composto de 2 intervalados, 1 ou 2 contínuos e 1 longo.

Defini um ritmo para os longos, que é mais lento do que o ritmo pretendido nesta prova, e assim, a quilometragem destes treinos sobe até atingir o volume esperado no dia do evento.
A velocidade é trabalhada nos intervalados, extensivos (maior volume) e intensivos (menor volume).
Os contínuos são sempre em um ritmo mais lento do que os longos e tem o papel de regenerativos.

Duas provas controle serão utilizadas antes da meta principal. A meia maratona Internacional de São Paulo (fevereiro) e a Meia Maratona Corpore (abril).

A data da largada global da Wings é dia 8 de maio, em diversos países. 


Estou muito ansiosa para esta prova. Será a realização de um sonho participar.



Nenhum comentário:

O que 2020 te ensinou com relação a corrida?

2020. Um ano em que muitas coisas mudaram na vida de todos. Um ano em que diariamente vimos o quanto a pandemia levou pessoas, mudou o norma...