domingo, 17 de novembro de 2013

Corpore SP Classic/Zumbi dos Palmares: Record na rua

Compartilhar cada momento de uma prova auxilia a retomar tudo que aprendemos nos treinos e planejamentos. Hoje considero que respeitei todas as etapas de uma corrida. Meu corpo respondeu muito bem ao ritmo, pois respeitei o que ele pode me oferecer. E tudo isso foi controlado através dos treinos realizados, pois nada é por acaso. Permiti meu organismo utilizar as vias de energia harmoniosamente e assim usufruir de um bom rendimento na prova. Se isso for respeitado, ganhará posições naturalmente se estiver em uma competição.

O tiro de largada foi dado pontualmente as 7h30, e assim aproximadamente 2.200 corredores da distância dos 10k partiram. Como toda largada, a maioria sai em um ritmo mais intenso, por muitos motivos. Eu procuro sempre sair em um ritmo próximo a minha realidade de treinamento, mas confesso que não são todas as vezes que respeito isso. Mas deveria sempre respeitar, pois minhas melhores marcas foram obtidas quando respeito as etapas.
Estas etapas que falo é devido a forma que nosso organismo utiliza a energia para todo e qualquer trabalho biológico e neste caso que utilizo como exemplo, na corrida.

São três sistemas de fornecimento de energia, cada um contribui com uma porcentagem, e este valor varia de acordo com o tipo de atividade/trabalho que realiza.

Se o corredor permitir que estes sistemas trabalhem juntamente, e isso aliado a condições externas favoráveis, conseguirá atingir suas metas.
Isso se aprende nos treinos, e sempre prestando muita atenção em como seu organismo responde aos estímulos que são fornecidos em todas as sessões. E elas são distribuídas na semana pensando nestes e outros diversos fatores que influenciam no rendimento e resposta de nosso organismo. Por isso é tão importante ter uma orientação e seguir um planejamento.

A corrida de hoje demonstrou que segui direitinho o roteiro, e através dos paces (ritmos de cada quilômetro) que descrevo o quanto tudo fluiu bem:


Entre o 5 e 6º quilômetro há uma subida, por isso o ritmo caiu um pouco. Mas devido a inclinação pode-se dizer que foi mantido devido ao aumento do grau de dificuldade.



Há tantos fatores envolvidos no treinamento que o tornam extremamente complexo. Na competição todos os fatores também estão presentes, acrescido de outros que podem influenciar e muito no rendimento e resultado final, positivamente ou negativamente. Por isso a importância de um planejamento correto e direcionado ao objetivo da pessoa.

Por isso valorize sempre cada dia de treino e perceba toda sua evolução. Preste atenção nas sensações e reações de seu corpo e se esta respeitando a recuperação dele.
Sinta-se motivado a treinar em todas as sessões, pois cada uma delas é parte de um planejamento, assim como cada peça de um quebra-cabeça. Se você mudar a posição ou até mesmo o tamanho de alguma delas, não irão se encaixar mais, comprometendo o produto final: o seu objetivo!

Pódio feminino.
Foto: Wagner de Moraes

Chegada
Foto: Wagner de Moraes
Dedico esta e minhas outras conquistas aos treinadores, grandes profissionais e amigos Marcos Feitosa e Bruno Rinaldo, que me acompanham de perto com todas instruções e auxílio necessários.

Espero que um pouco das minhas vivências possa contribuir positivamente a outros corredores, pois estamos sempre ali juntos dividindo o mesmo espaço e também o amor por este esporte.

Bons treinos e competições conscientes a todos!

Nenhum comentário:

O que 2020 te ensinou com relação a corrida?

2020. Um ano em que muitas coisas mudaram na vida de todos. Um ano em que diariamente vimos o quanto a pandemia levou pessoas, mudou o norma...