terça-feira, 5 de agosto de 2014

G4 Asics: minha quarta meia maratona do ano

Foto: Flickr Asics
Dia 03 de agosto foi realizada na cidade de São Paulo uma das meias maratonas mais esperadas do ano: a Golden Four Asics.

Realmente ela merece ser aguardada. O diferencial inicia já nos preparativos, por meio das chamadas de marketing através das redes sociais e e-mails enviados diretamente aos corredores.

A entrega dos kits merece outro grande ponto de destaque. São oferecidos aos corredores diversos atrativos. Palestras, exposição de produtos, alimentação, hidratação, contato direto com profissionais e atletas.

Participei de todas edições ocorridas na cidade de São Paulo, que recebe o circuito desde o ano de 2011, e em todos a organização foi muito boa.

Neste 4° ano foi divulgada uma nota de recorde de inscritos que quase ultrapassou a marca dos 6 mil corredores. Mais precisamente 1495 mulheres e 4395 homens concluíram a prova. E mesmo assim a organização foi ótima em todos aspectos, com apenas alguns detalhes que podem servir de sugestão para uma melhora do evento nas próximas edições.

Largada G4 Asics
O horário mais cedo da largada, o controle da entrada das baias por tempo, o percurso, a hidratação entre outros fatores facilitam aos corredores realizarem melhores tempos pessoais.

Mesmo sendo minha terceira prova em finais de semana consecutivos, consegui fazer a minha melhor marca do percurso e conquistar a medalha dourada Top 20 oferecida as 20 primeiras corredoras.
Finalizei a prova em 1h30'01", na 13° colocação geral feminina.


Parabéns a todos participantes e com destaque a Danielle Nobile, cadeirante, que fez uma grande prova com sua handbike e provou ainda mais ser um exemplo de garra, força de vontade e do quanto um esporte pode ser a base de uma vida melhor.

Dani recebendo sua premiação

Dani Mobile na Expo G4 Asics

Parabéns xará Dani!!

Nenhum comentário:

O que 2020 te ensinou com relação a corrida?

2020. Um ano em que muitas coisas mudaram na vida de todos. Um ano em que diariamente vimos o quanto a pandemia levou pessoas, mudou o norma...